[resenha] A Lista - Jennifer Tremblay


Título original: La liste
Nº de Páginas: 80
Autor: Jennifer Tremblay
Editora: Autêntica

Publicado em: 2014
Nota: 3/5
Compre aqui: Americanas Submarino / Amazon Br
"O que você gosta no fato de ter filhos?
Minha pergunta não é sincera.
Ela é mais uma reprimenda.
Ela a coloca contra a parede.
Minha pergunta não é sincera.
Minha pergunta significa o que você gosta no
fato de ter tanto problema.
Mas Caroline é uma mulher sincera.
Ela ouve apenas as palavras de que faço uso.
O que você gosta Caroline no fato de ter filhos?"


Em A Lista conhecemos nossa narradora que não se identifica por um nome mas que nos faz sentir que a conhecemos tão bem quanto à uma irmã. Acompanhamos sua vida atribulada de mãe, esposa e dona de casa. Com tantas coisas para fazer ela prefere fazer várias listas para manter a organização e não se esquecer de nada.

A personagem divide suas listas em ordem de importância, coisas que necessitam ser feitas em determinado tempo têm prioridade. Mas as vezes coisas que antes considerávamos como banais podem provar serem de vital importância no futuro.

Esperando ter mais a atenção do marido e acreditando que seria um ótimo lugar para viver ela muda-se para o campo com a família. Mas tudo o que esperava ganhar lhe é negado e percebe que não importa o lugar em que esteja, são as pessoas que precisam mudar seus hábitos para serem felizes.

Em meio a tudo isso conhecemos Caroline que é o oposto da personagem, não parece ligar muito para a organização e não se arrepende nem por um momento da decisão de ter uma família grande. Pelo contrário, Caroline fica em êxtase quando conta para sua amiga que está grávida novamente, coisa que parece absurda para a narradora.

Por algum motivo nossa narradora é uma pessoa solitária e aprecia mais do que o normal a solidão. Ela tenta ao máximo evitar as pessoas, mesmo Caroline, de quem aprecia a companhia, ela as vezes foge. A tristeza e a frustração dela se juntam a culpa quando sua amiga falece e ela percebe que poderia ter feito as coisas serem diferentes.

Jennifer Tremblay escreveu uma história curta mas emocionante e profunda, em muitos aspectos os leitores podem se identificar com a personagem e compreenderem muitos dos erros cometidos pela mesma. A situação em que ela se envolve poderia acontecer com qualquer um de nós.

A narrativa é em forma de prosa e poesia, lembra muito itens de uma lista - o que combina perfeitamente com a personagem - e a leitura foi rápida e fácil. Confesso que tinha ficado preocupada quando o mesmo chegou pois me assustei com a estrutura do texto, mas fluiu facilmente e quando terminei fiquei desejando ler mais.

Originalmente A lista é uma peça de teatro e a autora decidiu fazer algumas continuações, então temos uma trilogia. O segundo volume é "Le Carrousel", e o terceiro, "La délivrance".

Mesmo depois de dias após ter lido ainda me vejo refletindo sobre as lições que tirei dessa leitura, aprender com os erros e saber dar prioridade para aquilo que realmente importa na vida. Recomendo muito essa leitura única e comovente.
Livro cedido como cortesia pela editora
Sobre a autora:

Jennifer Tremblay nasceu em 1973, em Forestville, Canadá. Em 1990, publicou a coletânea de poesias Histoires de Foudre. Cinco anos depois, concluiu seus estudos em Escrita Criativa na Université du Québec à Montréal e publicou contos em várias revistas. Em 2004, fundou Les Éditions de la Bagnole com Martin Larocque e, posteriormente, publicou o romance Tout ce qui brille, bem como diversos livros infantis. Em 2008, Jennifer recebeu o Governor General’s Literary Award para o teatro e, dois anos depois, o Prix Michel-Tremblay de melhor peça da temporada 2010, ambos por A lista, produzida no Théâtre d’Aujourd’hui, em Montreal. Esta peça foi traduzida para vários idiomas e encenada em palcos de todo o mundo. Em 2011, Jennifer Tremblay publicou Le carrousel, a sequência de A lista, e, em 2014, La délivrance, último livro da trilogia.

2 comentários:

  1. A premissa do livro é bem incomum, o que me agrada demais. Além disso, gosto de livros que nos colocam para pensar e refletir, então esse aspecto também faz com que a obra ganhe pontos comigo.
    Ótima dica.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa leitura foi realmente única para mim e me fez abrir os olhos e querer ler gêneros literários diferentes do que estou acostumada! Que bom que você também se interessou por essa leitura!

      beijos

      Excluir

Quem é a Livromaníaca?

Meu nome é Tielle, 27 anos, aquariana com ascendente em Gêmeos, amante dos livros e apaixonada por séries e filmes. Tenho minhas fases e dá para acompanhar minhas mudanças pelos anos que passei escrevendo para esse blog. Se não quiser perder mais nada continue comigo nessa jornada.

Facebook

Caixa de Busca

Facebook

últimas resenhas

Youtube


Categorias

Editoras Parceiras

Destaque

[TAG] 50% de 2019

Vários booktubers já responderam essa tag de meio de ano e fiquei muito animada para trazer ela aqui para o blog também. Essa tag con...

Filmes e Seriados

Newsletter

últimas análises

Instagram

Autores parceiros

Posts Populares

Arquivos

Link-me


Copyright

As postagens e fotos feitas aqui no Livromaníaca são de uso exclusivo desse blog. Caso seja postado alguma foto ou informação que não seja de minha autoria será devidamente sinalizado. Não copie nada sem a permissão da autora, lembrem-se que plágio é crime federal.

Estatisticas do blog

No ar desde: Set/2009
Feito por: Tielle Soares
Melhor visualização: Google Chrome
Tecnologia do Blogger.