[resenha] Eragon por Christopher Paolini



Título original: Eragon

Nº de Páginas: 460
Autor: Christopher Paolini
Editora: Rocco
Publicado em: 2005
Nota: 5/5


"...Você é o primeiro Cavaleiro a existir fora do controle do rei em mais de cem anos. O que acontecerá? Você perecerá como um mártir? Você se juntará aos Varden? Ou matará o rei Galbatorix? São perguntas fascinantes..."
Eragon é o primeiro volume da série Ciclo A Herança escrita por Christopher Paolini. O programado seria ter apenas três livros mas depois o autor acabou acrescentando mais um para a lista. No Brasil a série foi publicada pela editora Rocco.


Antigamente os Cavaleiros de Dragão eram os heróis de Alagaësia, mantinham a paz entre os povos. Mas então um novo Cavaleiro ficou cego pelo poder e sua obsessão era aumentá-lo cada vez mais, manipulando e enganando ele conseguiu aliados e traiu seus companheiros. Os dragões quase foram extintos nessa guerra e os Cavaleiros livres desapareceram, os únicos sobreviventes estavam sobre o seu controle. Esse Cavaleiro se declarou rei.

Eragon vive em uma fazenda num lugar chamado Carvahall junto com seu tio e primo, ele foi deixado por sua mãe aos cuidados do mesmo quando era um bebê. A vida na fazenda não é fácil, entre cultivar e cuidar dos animais, Eragon ainda caça para tentar trazer carne para a mesa da família. Em uma dessas caçadas ele presencia uma forte explosão e o aparecimento de uma estranha pedra azul, sem a carne ele vê nessa pedra uma forma de ganhar dinheiro e comprar o alimento para eles. O que ele não imaginava é que na verdade aquilo era um ovo de dragão e que ele estava destinado a encontrá-lo.

Depois de algum tempo o ovo choca e Eragon conhece sua companheira e melhor amiga, Saphira - sim é um dragão fêmea - que irá mudar sua vida por completo. Ser um Cavaleiro de Dragão requer muito treinamento e responsabilidade, ele poderia ser tanto aquele que iria trazer esperança quanto a ruína para o povo. Não tendo que lidar com todas as consequências de ser quem é, Eragon ainda tem que lidar com todos aqueles que desejam seu apoio político e o perigo de estar na mira do Rei.


Christopher Paolini não apenas criou um mundo novo, mas o incrementou com suas próprias lendas e profecias. Como em todo bom livro com longas jornadas, esse tem um mapa para que o leitor possa se localizar enquanto acompanha os personagens pelas diferentes paisagens, além disso também tem um glossário com as traduções das várias conversas com Urgals, anões, elfos e com algumas palavras da língua antiga. Sim, o autor não inventou apenas uma mas várias línguas para os diferentes povos de Alagaësia.

Os personagens são um caso a parte, são tantos secundários que Eragon vai encontrando pelo caminho e são tão bem trabalhados que eu só queria poder conhecer todos um pouco melhor. O protagonista é o tipo de personagem que evolui durante a narrativa, ele começa como um garoto teimoso que quer acima de tudo provar ser merecedor do título que leva, além de ser impulsivo e meio rebelde; Saphira é um dragão bebê - ainda não solta fogo - mas suas falas demonstram que tem a sabedoria de sua espécie mas ao mesmo tempo tem cenas infantis como o adequado para a sua idade, demonstrando ciúmes ou orgulho por coisas bobas. Há muitos outros que aparecem na história e mereciam uma citação maior, mas acredito que conhecê-los na narrativa seja bem melhor do que nessa resenha.

Magia, criaturas místicas e um mundo medieval com lutas de espadas e dragões. Acho que só de dizer que há dragões nesse livro já seja o bastante para qualquer leitor mas devo acrescentar que a narrativa do autor é incrível e não vejo a hora de reler Eldest, segundo volume da série.

Sobre o autor:


Christopher Paolini nasceu no dia 17 de Novembro de 1983 no sul da Califórnia. Exceto por alguns anos em Achorage, no Alasca, ele passou a vida inteira no Paradise Valley, em Montana, onde ainda reside. Ele vive com os pais e a sua irmã mais nova, Angela, numa rústica quinta nos bancos de Yellowstone River. Eles têm dois animais de estimação: Otis, um gato preto e branco e Annie, uma cocker frisada.Christopher foi educado pelos seus pais. Ele frequentemente escrevia pequenas histórias e poemas, fazendo visitas à biblioteca e lendo muito. É o autor da série Ciclo da Herança, cujo primeiro livro foi adaptado para os cinemas do mundo todo.

2 comentários:

  1. Oi Tielle! Tudo bem?
    Nunca li Eragon, mas tenho muita vontade! A criatividade do autor é incrível né? E a escrita parece ser boa mesmo!!
    Agora estou curiosa para ler!! ^^
    Obrigada pela dica e parabéns pela resenha!!
    Beijos :-*

    http://versosenotas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara!! Tudo ótimo!! ^^
      Espero que você consiga um tempinho para ler essa série, os três primeiros livros são incríveis e espero que o autor tenha fechado com chave de ouro...
      Obrigada pelo carinho e pelo comentário!!
      beijos

      Excluir

Quem é a Livromaníaca?

Meu nome é Tielle, 27 anos, aquariana com ascendente em Gêmeos, amante dos livros e apaixonada por séries e filmes. Tenho minhas fases e dá para acompanhar minhas mudanças pelos anos que passei escrevendo para esse blog. Se não quiser perder mais nada continue comigo nessa jornada.

Facebook

Caixa de Busca

Facebook

últimas resenhas

Youtube


Categorias

Editoras Parceiras

Destaque

[TAG] 50% de 2019

Vários booktubers já responderam essa tag de meio de ano e fiquei muito animada para trazer ela aqui para o blog também. Essa tag con...

Filmes e Seriados

Newsletter

últimas análises

Instagram

Autores parceiros

Posts Populares

Arquivos

Link-me


Copyright

As postagens e fotos feitas aqui no Livromaníaca são de uso exclusivo desse blog. Caso seja postado alguma foto ou informação que não seja de minha autoria será devidamente sinalizado. Não copie nada sem a permissão da autora, lembrem-se que plágio é crime federal.

Estatisticas do blog

No ar desde: Set/2009
Feito por: Tielle Soares
Melhor visualização: Google Chrome
Tecnologia do Blogger.