Autores Nacionais #1 (Allan Pitz)

Que tal conhecer alguns autores de talento nacionais?! Pois essa será a sessão onde eu estarei apresentando vários autores nacionais e suas obras. Não tem dia certo para ser postada e nem quantidade por semana, será uma sessão livre. E caso você seja autor e queira ser divulgado também me envie os dados no email: ty_rock16@yahoo.com.br

Allan Pitz

Do autor eu só li a obra "A morte do Cozinheiro" e tem resenha Aqui. Ainda não tive oportunidade de conferir todas as outras, mas quem sabe agora que estou trabalhando consiga comprar as outras para completar a coleção?! ... kkkk

Confiram todas as obras e também o perfil do autor abaixo:
A Morte do Cozinheiro

Sinopse: É verdade, eu matei o cozinheiro. Em momento algum deste livro negarei que matei o sórdido cozinheiro com minhas próprias mãos de escrever versos. Havia motivo claro em saciar-se com a sua morte, morte de quem por carne e gozo objetou-se ao incomensurável amor que me tornava tão puro. Eu estripei-o com suas facas imundas de trabalho banal, e escalpelei por mimo infantil, de criança brincalhona, ao ver os índios e escalpes na TV. Matei o demônio com noventa facadas, cultivando um novo demônio sanguinário em mim, portanto não negarei ter feito a coisa mais maravilhosa que eu poderia fazer por minha inconsequência gloriosa naquele momento: Eu matei o cozinheiro.


Um Peixe de Calças Jeans e outras histórias para unir

Sinopse: As crianças precisam aprender o sentido de união, igualdade e respeito desde o início da jornada. Atuando nesse pensamento, Um peixe de calças jeans e outras histórias para unir traz em sua linguagem simples e acessível histórias curtas e assimiláveis que visam eliminar os preconceitos sutilmente. Agindo no subconsciente formador das crianças. Enriquecendo-as moralmente. 

Estação Jugular

Sinopse: Delirante, frenético e alucinante é o ritmo que Pitz imprime a essa saga do absurdo (mas que tem forte conotação de realidade, pois, apesar de sugerir uma alegoria, é plenamente observável para além da ficção), envolvendo o leitor na claustrofóbica experiência do personagem-narrador, que foge não se sabe de onde e não se sabe para onde vai. Um ônibus que surge inesperado, conduzido por um motorista improvável, rumo a uma estrada desértica, des filando por paisagens vivíssimas e surreais nos faz confrontar com o absurdo contido na própria história da humanidade. Ao embarcar junto com o protagonista e narrador Franz, um técnico de informática em sua aparente fuga do cáustico sol que castiga, o leitor é incitado a uma viagem desconfortável, mas altamente reveladora. 

A Arte da Invisibilidade

Sinopse: “A arte da invisibilidade visa condicionar o homem moderno ao intelectualismo de avanço real e lógico, natural, em acordo com sua época. E, ousadia das ousadias, visa trazer de volta o homem pensador, que vagaria pelas prisões hipnóticas sem se deter a nenhuma delas. Apenas isso.” 

A Fuga das Amebas Selvagens

Sinopse: Vamos facilitar essa apresentação, já que não se trata de um livro difícil, pelo contrário, trata-se de um grande passatempo, destinado a todos em qualquer lugar. São amebas selvagens, textos, que resolveram brotar em minha mente inconstante durante algumas semanas. Não impus regras, nem didáticas... Gostei dessa liberdade toda, vagar pelo obscuro, pelo engraçado, o ridículo... E poder expressá-los em múltiplas formas e faces literárias! Frases, pensamentos, contos, piadas, esquetes teatrais, pequenas cenas, bobagens, questionamentos... Não pude me dar ao luxo de intitular as Amebas em sua maioria, são selvagens, e em momento algum aceitaram ser domesticadas, digo isso até para justificar alguns palavrões que acabaram ficando pelo caminho. Desculpem-me o palavriado baixo das atrevidas. Mas elas não quiseram usar palavras amenas em suas razões corrosivas. Além de tudo são amebas teimosas e impertinentes! Fiquei sentado até as cento e setenta e uma desfilarem por meus dedos incrédulos, fazendo-me talvez, escrever a bobagem mais sincera, ridícula e coesa, de toda a minha breve existência.
Espero que consigam se divertir e refletir lendo, tanto quanto ocorreu comigo escrevendo. Ao menos garanto o passatempo.

Visões comuns de um porco esquartejado

Sinopse: ETERNO Eles arrancaram minha boca; E eu sorri. Eles arrancaram meus braços; Eu acenei. Eles arrancaram meus ossos do pé; Caminhei. No fim trouxeram a máxima lâmina deceparam a cabeça frágil do corpo comemoraram a desventura do eu morto. E eu voltei.

Duas Doses e um Bungee Jump

Sinopse: Lançado em Portugal no ano de 2010, Duas Doses e Um Bungee Jump é um livro de poemas simples que visa somente um novo mergulho poético, uma reapresentação quase ingênua do gênero. O autor tenta nos conduzir a uma poética acessível, renovadora; fragmentos gramáticos desconjuntados do sentimento humano, erguidos sobre qualquer coisa, e tão vivos quanto nosso idioma.
Skoob / Compre Aqui (detalhe: a venda é feira em Euros)

O autor também tem contos em duas antologias Time Out e Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos vol. 54.

ps: todas as sinopses foram retiradas do site skoob

O autor:
O escritor carioca Allan Pitz é, além de diretor teatral − o que confere à sua escrita uma dramaticidade extra, inerente às artes cênicas −, um pensador do asfalto, um peregrino das ebulições da vida, filósofo urbano, romancista original. Autodenomina-se com humor: “Escritor por maioria de votos, contador de histórias, visceral, humano, PhD nas próprias reflexões e estudos solitários sobre tudo”. Tem compulsão pela vida, que registra em jorros, nas incontáveis cenas de absurdo criadas a partir de sua observação do cotidiano. Tudo pode ser subsídio para se transformar em uma cena, um conto, uma ideia para um livro.

2 comentários:

  1. Caramba, não sabia que ele tinha tantos livros! Mas tenho bastante curiosidade em ler alguns desses :D

    xx carol

    ResponderExcluir
  2. Olá Tyele,

    ótima iniciativa, é sempre bom divulgar os talentos nacionais. Muitas vezes vejo o destaque que você dá aos nossos escritores aqui no seu blog.
    A propósito: Feliz Natal e Feliz Ano-Novo.

    Bjos.

    ResponderExcluir

Quem é a Livromaníaca?

Meu nome é Tielle, 27 anos, aquariana com ascendente em Gêmeos, amante dos livros e apaixonada por séries e filmes. Tenho minhas fases e dá para acompanhar minhas mudanças pelos anos que passei escrevendo para esse blog. Se não quiser perder mais nada continue comigo nessa jornada.

Facebook

Caixa de Busca

Facebook

últimas resenhas

Youtube


Categorias

Editoras Parceiras

Destaque

[TAG] 50% de 2019

Vários booktubers já responderam essa tag de meio de ano e fiquei muito animada para trazer ela aqui para o blog também. Essa tag con...

Filmes e Seriados

Newsletter

últimas análises

Instagram

Autores parceiros

Posts Populares

Arquivos

Link-me


Copyright

As postagens e fotos feitas aqui no Livromaníaca são de uso exclusivo desse blog. Caso seja postado alguma foto ou informação que não seja de minha autoria será devidamente sinalizado. Não copie nada sem a permissão da autora, lembrem-se que plágio é crime federal.

Estatisticas do blog

No ar desde: Set/2009
Feito por: Tielle Soares
Melhor visualização: Google Chrome
Tecnologia do Blogger.